Netinho comemora 50 anos dos Incríveis

O DVD mais Incrível do Brasil

Os Incríveis, uma das mais importantes bandas da história do rock brasileiro, lançam DVD ao vivo para comemorar 50 anos de carreira.

O projeto foi idealizado pelo baterista e fundador do grupo Netinho, para registrar a trajetória da banda.

Os Incríveis fizeram mais de 3000 shows no Brasil ao longo de sua história com 15 milhões de discos vendidos e apresentaram-se mais de 500 vezes no exterior.

O repertório foi escolhido no sentido de homenagear a história da banda, mesclando sucessos dos anos 60 e 70. Os Incríveis marcaram o rock brasileiro com hits como: “Era um Garoto que, Como Eu, Amava os Beatles e os Rolling Stones”, “Eu Te Amo, Meu Brasil”, “Marcas do que se Foi”, “Vendedor de bananas” e “O Milionário”.

A banda atual é composta, pelo baterista Netinho, 69 anos de formação original e também seu filho Sandro Haick (diretor musical e guitarra), Leandro Weingaertner (baixo e vocal), Wilson Teixeira (sax), Rubinho Ribeiro (vocal e guitarra) e Bruno Cardozo (teclados) como músico convidado.

Com o lançamento do DVD a banda Os Incríveis, instituição do rock brasileiro, inicia nova turnê pelo país para celebrar sua longevidade.


Com a palavra, Netinho:

A mão invisível do destino nos ajuda a trazer os cenários, as pessoas, as oportunidades para escrevermos a nossa própria história. Hoje, assistindo ao filme de minha própria vida, como se fosse possível ficar em uma sala de cinema, e que conforme as cenas vão se reapresentando, vou olhando ao lado e o que estava vazio toma lugar com as personagens de cada época, de cada acontecimento, e fica em mim que ninguém é só, que ninguém está no vazio de si mesmo. Cada um de nós tem sua história, e se notarmos bem, sem as objeções das carências que muitas vezes carregamos, verificaremos que a vida nos é sempre generosa.
Hoje, entendo assim, sou a soma de cada um dessas pessoas incríveis que encontrei nas esquinas da vida, sou cada nota musical de todas as músicas que cantei e toquei e que me falaram ao coração. Hoje, sou eterno em mim mesmo, como são eternas as pessoas escrevendo suas histórias pelos livros que Deus nos concede.

Nesse palco em que se apresentam novas manhãs, fazemos o nosso próprio show!

Eterna gratidão,
Netinho